quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

say goodnight and go.

Abriu-se para mais uma noite, desabrochou como as flores intocadas da primavera espantando o orvalho. Sorriu para as companheiras, distantes, invejou as mais brilhantes como sempre fazia. Soltou poeira com espirros e tosse, o frio nunca a fez bem e seu cobertor havia voado para longe há séculos, junto àquela nave estranha. Dançou em seu eixo, a dança desengonçada que tanto gostava, cantarolou a musica composta por uma amiga já apagada, dizem que a saudade é a melhor inspiração.

Um comentário:

Laura disse...

espero que eu nao seja a amiga apagada!
to com muita saudade. já estou no rio by the way. wanna waste some time?
beijos