segunda-feira, 26 de novembro de 2012

I'm living on such sweet nothing.


 Pois chega uma hora que até o mais fundo mais poços, seca. E não adianta o quanto se escave e remexa a terra, não há mais nada lá. Uma gota de amor, saudade, e até o carinho secaram. Resta apenas a base sólida de algo que um dia foi tão profundamente preenchido (e que agora aguarda a próxima inundação).

6 comentários:

Anônimo disse...

Acho que estou apaixonado por você, mas vocÊ nem me conhece e tem namorado, mas o que é a vida sem as paixões platÔnicas, né não

Julia Malaguti disse...

que namorado? conheço esse não.

Anônimo disse...

aquele cara. mas um dia eu chego perto e te ganho. brega, né? mas é verdade!

Julia Malaguti disse...

"aquele cara", boa definição.

Anônimo disse...

vocÊ prefere que eu chame como?

Julia Malaguti disse...

pode chamar do jeito que quiser, não é problema meu.